CADELA MALDITA – Fight to survive.

 
Este primeiro álbum dos paranaenses da CADELA MALDITA mostra um Crossover bem feito e com muita garra, sendo que há aqui demonstrações bem frequentes de um Hardcore primoroso e porções de Crust aqui e acolá. Logo na abertura com ‘Religion’s brain washing machine’, o ouvinte já se depara com seus riffs cortantes que alternam um Hardcore furioso com pegadas de Thrash mais cadenciadas. Na faixa titulo o pé é mais firme no punk/hardcore, com uma letra forte sobre as desesperanças em sobreviver no mundo moderno. As bases mais Crust podem ser ouvidas em ‘A.A.A (Against Autority Abuse)’, um esculacho aos policiais que abusam do poder. ‘Tv control’, além de ser um soco na cara contra a alienação televisiva, é ideal para cair no mosh. Para encerrar, ‘Cold, blooded, murder’ manda um Grind nervoso para arrebentar tudo. Este álbum é ótimo de se ouvir, e pena que quando o sangue esquenta o play já chegou ao fim, e nesse caso basta colocar no repeat sem medo. Se você é fã de trabalhos primordiais de bandas como D.R.I, ANTHRAX, CORROSION OF COMFORMITY, RDP e afins, o som da CADELA lhe fará a cabeça.
Por Écio Souza Diniz
 
            Faixas:
1-      Religion’s brain washing machine
2-      Democracy feign
3-      Fight to survive
4-      Spank show
5-      A.A.A (Against Autority Abuse)
6-      Mediocrity cycle
7-      Freestyle religion
8-      Kill the government
9-      TV control
10-   Cold, blooded, murder
 
 
Adicionar aos favoritos o permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.