JUPITERIAN – Aphotic

1452429905_a3729435831_10

Atenção aos adoradores de um excelente som das profundezas: o Brasil tem mais um grupo de peso e qualidade para contribuir para o nosso Doom metal. Trata-se da paulista JUPITERIAN, que surgiu em meados de 2013, composta por caras que se intitulam apenas como V (guitarra e vocal), A (guitarra), R (baixo) e G (bateria). Aqui neste debut há pouco lançado, o que eles fazem com maestria é misturar um Doom pesado e primitivo, numa pegada bem Sludge. A gravação soa crua e cavernosa de uma forma muito bem feita, dando a tônica necessária à proposta musical que seguem.  E como dá gosto ouvir músicas aterradoras como Permanent grey e Daylight, com seu solo desesperante. Em Proclamation a atmosfera beira o desespero e o medo, com quebradas nos tempos coberturas por uma massa vocálica extremamente sorumbática, o que se intensifica na faixa titulo. Para fechar Drag me to my grave é mais curta e fácil de assimilação, lembrando PARADISE LOST dos tempos de Gothic (1991). Não tenha duvida, vá atrás deste CD, que um dia será clássico. Nota: 9,0 

Por Écio Souza Diniz 

Faixas: 1-Permanent gray / 2-Daylight / 3-Proclamation  / 4-Aphotic / 5- Drag me to my grave

Mais informações:

http://blackholeprods.com/pt/portfolio/jupiterian/

Adicionar aos favoritos o permalink.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.